MME classifica eólicas Umburanas 19 e 21 ao Reidi

Custo dos empreendimentos chega a R$ 168,8 milhões, sem impostos

O Ministério de Minas e Energia autorizou na última sexta-feira, 4 de dezembro, o enquadramento ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura das eólicas Umburanas 19 e 21, localizadas na Bahia. Na primeira usina, serão construídas nove turbinas, que totalizam 25,8 MW de potência. Na segunda, também serão implantadas nove unidades geradoras, mas com capacidade instalada total de 24,3 MW. O período de obras nas eólicas terá início em 1º de maio de 2018, com expectativa de término para 1º de janeiro de 2019. O investimento aplicado nos empreendimentos, somado, chega a R$ 168,8 milhões, sem a incidência de impostos.