Caixa das empresas do setor elétrico acumulou R$ 34,4 bilhões até setembro

Eletrobras é a oitava com maior crescimento nominal do caixa, de acordo com a Economática

O caixa de 38 empresas de energia elétrica acumulou R$ 34,469 bilhões até setembro, R$ 1,782 bilhão a mais do que em dezembro do ano passado, quando o caixa dessas companhias totalizava R$ 32,713 bilhões. Segundo a pesquisa da Economática, o setor com maior crescimento de caixa foi o de Petróleo e Gás onde sete empresas aumentaram R$ 35,8 bilhões ou 50,11%.

Seis setores registraram queda de caixa no período, sendo o de comércio o que teve a maior perda. Em dezembro de 2014, o caixa do setor era de R$ 26,3 bilhões contra R$ 16,9 bilhões em setembro deste ano, uma queda de R$ 9,43 bilhões ou de 35,78%. De acordo com a Economática, as 279 empresas pesquisadas aumentaram o caixa em 2015 em R$ 82,6 bilhões ou 25,75%.

Entre as 20 empresas com maior crescimento nominal do caixa, a Eletrobras aparece na oitava colocação. O caixa da empresa aumentou R$ 3,004 bilhões, passando de R$ 6,881 bilhões em dezembro de 2014 para R$ 9,847 bilhões em setembro deste ano. A empresa com maior crescimento de caixa no ano é a Petrobras com R$ 35,2 bilhões ou 51,08%. O caixa da estatal alcançou nos primeiros nove meses do ano R$ 104,249 bilhões.