Jirau foi a terceira maior geradora hidrelétrica do Brasil em maio, aponta ONS

Ainda segundo o Operador, no dia 11 de maio a usina gerou 2.031,09 MW médios, um recorde para o empreendimento

Com 30 turbinas em plena operação, a hidrelétrica Jirau foi, em maio deste ano, conforme consta nos relatórios do Operador Nacional do Sistema Elétrico, a terceira maior hidrelétrica brasileira em geração de energia, tendo gerado 1.719 MW médios. Este valor representa 7% da energia hidroelétrica entregue para a região Sudeste. Ainda de acordo com o ONS, no dia 11 de maio de 2015 Jirau gerou 2.031,09 MW, um recorde para a usina.

A usina está em fase de motorização e já possui 99% de suas instalações prontas. Em 2016, ano de conclusão da obra, a usina vai operar 50 unidades geradoras. Ao todo, Jirau terá capacidade instalada de 3.750 MW, o suficiente para abastecer mais de 10 milhões de residências. Em 2015, Jirau será a usina que dará a maior contribuição para expansão da oferta de geração no país, com um incremento de 1.650 MW. Isso representa 45% da expansão da hidroeletricidade do Brasil no período.

A usina está fornecendo energia para o Sistema Interligado Nacional desde setembro de 2013, quando a primeira máquina entrou em operação. Em janeiro de 2015, operava com 20 UGs, podendo produzir até 1.500 MW. A partir de junho, quando estiver operando com 33 UGs, Jirau produzirá 2.475 MW. A projeção é que Jirau terá 42 turbinas produzindo 3.150 MW até o final do ano. Ou seja, serão 110% de energia adicional somente em 2015.