Aneel homologa resultado do leilão de transmissão de 2017

Certame terminou com todos os lotes arrematados, cujos investimentos nos empreendimentos estão estimados em R$ 8,7 bilhões

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira, 20 de fevereiro, o resultado do leilão nº2/2017, composto por onze lotes de empreendimentos destinados à prestação de serviços públicos de transmissão de energia elétrica. O tema foi um dos itens deliberados na reunião pública ordinária de diretoria da agência, realizada em Brasília.

O certame foi realizado no dia 15 de dezembro, na B3, em São Paulo. Todos os lotes foram arrematados, representando um investimento estimado de R$ 8,7 bilhões. Serão construídas 4.919 km de linhas e 10.416 MVA de capacidade de transformação.

O leilão teve grande disputa entre os agentes, com 14 propostas por lote, resultando em um deságio médio de 40,46%, o que representará uma economia de R$ 15,6 bilhões para os usuários da rede durante um período de 30 anos. A Receita Anual Permitida (RAP-Teto) somava R$ 1,54 bilhão, mas foi reduzida para R$ 913 milhões, redução de R$ 621 milhões.