Cepel assina acordo de cooperação técnica com instituto de pesquisa chinês

Parceria com o Cepri prevê pesquisa, desenvolvimento e inovação na área de Ultra-Alta Tensão, podendo abranger aspectos sistêmicos

O Cepel assinou um contrato para cooperação técnica com o Cepri – China Electric Power Research Institute. O acordo tem ênfase na área de Ultra-Alta Tensão (UAT) e prevê atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação relacionadas com linhas de transmissão e técnicas de avaliação de desempenho de equipamentos em UAT, podendo ainda abranger aspectos sistêmicos.

A assinatura do acordo foi o principal propósito da visita que diretores do Cepel fizeram à sede do Cepri, em Pequim, entre 31 de janeiro a 2 de fevereiro. Participaram na ocasião o diretor-geral do Cepel, Marcio Szechtman, o diretor de Laboratórios e Pesquisa Experimental, Orsino Borges de Oliveira Filho, e o chefe do Departamento de Linhas de Transmissão e Equipamentos (DLE), Alain François Sanson Levy.

Principal instituto de pesquisa em energia elétrica da China, o Cepri compõe o grupo de empresas da State Grid Corporation of China – SGCC, que atua no setor elétrico brasileiro por meio da State Grid Brazil Holding – SGBH, cuja sede é no Rio de Janeiro.

Previamente à cerimônia de assinatura do Memorandum of Understanding – MoU, firmado dia 2 de fevereiro, foi realizado um colóquio técnico de dois dias. Durante o evento, os representantes das duas instituições apresentaram e discutiram temas para projetos que concretizarão o acordo técnico. Como resultado, Cepel e Cepri identificaram vários tópicos de interesse comum e concordaram, inicialmente, em concentrar as atividades da cooperação, prioritariamente, nos seguintes assuntos: avaliação de isoladores, mapeamento de poluição, avaliação de ativos, comparação de ensaios em alta e ultra-alta tensão, perdas corona e planejamento e operação de sistemas elétricos.

Na oportunidade, a delegação do instituto visitou instalações laboratoriais do Cepri, incluindo os laboratórios de UAT, Tecnologia de Armazenamento de Energia, de Compatibilidade Eletromagnética e de Segurança da Informação no Setor Elétrico, além dos centros de Metrologia, de Predição Numérica de Clima e de Simulação de Sistemas Elétricos.

A cerimônia contou com a presença de 11 representantes do instituo chinês, incluindo o presidente, professor Guo Jiambo, o vice-presidente Executivo, Mr. Wang Like, e o diretor do Departamento de Cooperação Internacional, Mr. Li Bo. Pelo Departamento de Cooperação Internacional da SGCC, participaram dois representantes: o vice-diretor Geral, Dr. Yu Jun; e o chefe da Divisão Comercial e Econômica, Mr. Ma Haiyang. Na ocasião discursaram o professor Guo Jiambo, o Dr. Yu Jun e o diretor-geral do Cepel, Marcio Szechtman, que destacaram a importância da SGCC, Cepri e Cepel para os setores elétricos da China e Brasil e a expectativa de tornar efetiva e profícua a cooperação técnica entre os dois centros de pesquisa.

Como próximos passos, os centros de pesquisa trabalharão na organização e estratégia de escolha de tópicos e no detalhamento dos projetos específicos que devem incluir atividades conjuntas e utilização de laboratórios e equipes complementares de ambas as instituições, levando em consideração as necessidades da SGBH e aspectos técnicos e de infraestrutura.