Carga deve crescer menos esse ano após a 1ª revisão quadrimestral

CCEE, EPE e ONS reduziram para 3%, em 0,7% a expectativa de expansão. No quinquênio 2018-2022, a taxa deve ficar em 3,7% ao ano

CCEE, EPE e ONS divulgaram nesta quinta-feira, 5 de abril, a 1ª Revisão quadrimestral da Carga para o Planejamento Anual da Operação Energética 2018-2022. A expectativa é que o crescimento da carga seja de 3% para 2018, uma redução de 0,7% em relação à expectativa anterior. Já para o período 2018-2022, os resultados apontam crescimento médio anual da carga de energia do SIN de 3,7% ao ano. Em 2022, a carga do SIN deve atingir 78.700 MW médios.

A revisão quadrimestral aponta uma redução para o período de 5 anos de aproximadamente 440 MW médios na carga do SIN, sendo impulsionada pela diminuição de demanda na região Sudeste/Centro-Oeste, que teve uma revisão de 240 MW médios a menos. Veja aqui as previsões para os próximos anos.