BNDES e BID lançam fundo de US$ 1,5 bilhão para investir em infraestrutura

Foco é investir em instrumento de dívida nos setores de transporte, energia, saneamento e infraestrutura social, como saúde e educação

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anunciam na última quarta-feira, 30 de maio, parceria para criação de um fundo de crédito em infraestrutura de US$ 1,5 bilhão. O fundo chamado inicialmente “B2 Infra” terá, no mínimo, 30% dos recursos do BNDES, 10 % do BID e o restante será captado junto ao setor privado, especialmente de investidores institucionais. O foco é investir em instrumento de dívida nos setores de transporte, energia, saneamento e infraestrutura social, como saúde e educação. A previsão é que produto passe a operar no segundo semestre.

“É mais uma iniciativa no intuito de utilizar recursos públicos para alavancar recurso privado para a infraestrutura, utilizando a experiência e o amplo conhecimento das duas instituições no financiamento de infraestrutura”, explica Eliane Lustosa, diretora de mercado de capitais do BNDES.

“O ‘BID Invest’ colocará a serviço do fundo toda a sua capacidade de análise e de integridade institucional, dos riscos sociais e ambientais e de estruturação financeira para aumentar o financiamento de infraestrutura sustentável no Brasil”, disse Hugo Florez Timorán, representante do BID no Brasil.