Enel apresenta maior proposta pela Eletropaulo

Empresa italiana ofertou R$ 45,22 por ação da distribuidora, ante R$ 39,53 da Neoenergia. Acionistas poderão aderir a proposta no próximo dia 4

A Enel apresentou a maior proposta pela Eletropaulo (SP) nesta quarta-feira, 30 de maio, na Bolsa de Valores de São Paulo. A empresa italiana ofertou R$ 45,22 por ação pela distribuidora, contra R$ 39,53 oferecido pela Neoenergia. Com isso, a Enel será a única a apresentar proposta para os acionistas da Eletropaulo na próxima segunda-feira, 4 de junho.

Para adquirir as mais de 167 milhões de ações ordinárias da Eletropaulo, a Enel terá que desembolsar mais de R$ 7,567 bilhões. Além da aquisição das ações, está previsto um aporte através de aumento de capital da distribuidora no valor de R$ 1,5 bilhão. O negócio está condicionado a aquisição de pelo menos 50% das ações da distribuidora. Com isso, a compra das ações mais o aporte de capital deve levar o negócio a mais de R$ 9 bilhões.

A empresa italiana terá que publicar aditamento ao edital de Oferta Pública para Aquisição de Ações, em função do aumento do preço ofertado.

A Neoenergia divulgou comunicado no qual afirma que se pautou na busca de condições de equidade entre os competidores e seguirá atenta a novas oportunidades de expansão da atuação no Brasil. A empresa reafirmou seu compromisso com investimentos no Brasil, hoje perto de R$ 5 bilhões por ano, e com a valorização de talentos e de fornecedores locais.