S&P revisa ratings da Energisa, Eletropaulo, Equatorial e Celpa

Agência recalibrou metodologia das avaliações de risco para os agentes do setor elétrico, após implementação de nova tabela de mapeamento de ratings, publicada em 25 de junho de 2018

A agência de classificação de risco S&P Global Ratings revisou os ratings de diversas entidades do setor elétrico, após a implantação de sua nova metodologia de avaliação. Além disso, o identificador UCO (Under Criteria Observation) foi removido de todas classificações.

O rating da Energisa e de suas controladas, Energisa Sergipe e Energisa Paraíba, foram elevados de brAA- (estável) para brAAA (estável), o que representa a mais alta capacidade geral de uma companhia para honrar suas obrigações financeiras.

Outras concessionárias que também tiveram seus ratings elevados de ‘brAA-‘ para ‘brAAA’ foram a Equatorial e a Celpa.

Já a Eletropaulo teve sua nota de crédito atualizada em escala nacional, passando de “A+” para “AA+”. De acordo com a S&P, a nova classificação é resultado da recalibragem da escala nacional, não representando uma mudança de opinião sobre a qualidade de crédito da empresa.

Para a agência, a calibragem das escalas nacionais tem como princípio fornecer distinções mais refinadas sobre a qualidade de crédito do emissor e de emissão do que seria possível com a escala global. Isso é explicado pelo fato de que, em alguns países, o risco soberano e o risco-país podem restringir a qualidade de crédito na escala global a um número limitado de classificações, enquanto a escala nacional permite expressar a visão da S&P utilizando todas as categorias de ratings.