Armazenamento diminui no Nordeste e reservatórios operam com 34,4%

Segundo o ONS, volume caiu 0,7% no Sul, que funciona com 45,4%

Os reservatórios da região Nordeste apresentaram redução de 0,1% nos níveis, que operam com 34,4% da capacidade, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico relativos à última segunda-feira, 6 de agosto. A energia armazenada afere 17.853 MW mês no dia e a ENA segue em 36% da média de longo termo armazenável acumulada no mês. A usina Sobradinho opera com 31,09% de sua capacidade.

Já o Sul contou com a maior diminuição de volume no dia, ficando com 45,4% após recuo de 0,7%. A energia armazenada registra 9.132 MW mês e a ENA consta em 36% da MLT. A hidrelétrica G.B Munhõz trabalha com 26,10% da capacidade.

O subsistema Norte registrou alteração negativa de 0,5% e trabalha com 65,3% da capacidade. A energia armazenada aponta 9.826 MW mês e a energia afluente está em 79% da MLT. A usina Tucuruí opera com capacidade de 91,66%.

No Sudeste/Centro-Oeste do país os níveis contaram com decréscimo de 0,1% e os reservatórios funcionam com 33,5%. A energia armazenada indica 68.051 MW mês e a energia afluente foi para 86% da MLT. Furnas funciona com 26,22% e a UHE São Simão registra 61,06%.

Outras informações sobre níveis de armazenamento, bem como a geração de gráficos comparativos, podem ser acessadas na Seção Reservatórios do Monitor, disponível para assinantes do CanalEnergia.