Repactuação da dívida da CEEE-D com a CDE é aprovada pela Aneel

Negociação envolve o parcelamento até 2019 de 278 milhões

A Aneel homologou esta semana o termo de repactuação da dívida da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica com a Conta de Desenvolvimento Energético. O termo firmado pela CEEE-D com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica estabeleceu o parcelamento R$ 278 milhões, com pagamento inicial de R$ 10 milhões em janeiro desse ano, e prestações mensais de pouco mais de R$ 11 milhões, atualizadas pela taxa Selic, até dezembro de 2019.

A renegociação do débito foi feita originalmente entre a Eletrobras e a CEEE-D, mas o processo foi repassado à CCEE quando a instituição assumiu a gestão da conta setorial em maio de 2017. A distribuidora estatal atende parte do território do Rio Grande do Sul.