Voith fornece equipamentos para hidrelétrica no Paraná

CGH tem previsão de entrar em operação em agosto de 2019

A Voith Hydro fechou contrato para o fornecimento de equipamentos e serviços para a nova central geradora hidrelétrica Nogueira, que está em construção no rio Chopim, na cidade de São Jorge do Oeste, no Paraná. A multinacional alemã disponibilizará sete unidades geradoras para a planta que terá potência instalada de 5MW.

Segundo a Voith, a tecnologia que será utilizada é referência em geração de energia com baixo impacto ambiental. A solução Stream Diver aproveita as baixas quedas d’água e por esta razão não necessita de barramentos ou formação de lagos, ajudando a preservar a fauna original e evitando o desmatamento de regiões inteiras. A mata ao redor será preservada por unidade de conservação ambiental.

Por ser 100% livre de óleo e graxa, a solução não oferece riscos de poluição ao meio ambiente caso ocorra qualquer tipo de vazamento nas unidades geradoras. A tecnologia é responsável por minimizar os custos de operação já que não há a necessidade da construção de grandes instalações, nem de equipamentos auxiliares. Geralmente, as CGHs são opções em locais nos quais as usinas convencionais seriam inviáveis.

As unidades geradoras são instaladas abaixo da linha d’água e por estarem submersas não emitem ruídos. Quanto à manutenção, segundo a Voith, a Stream Diver tem altos índices de confiabilidade e apresenta baixos níveis de paradas técnicas.

Com previsão de início de operação para agosto de 2019, a CGH Nogueira é a primeira referência da tecnologia Stream Diver no Brasil e é uma opção para aproveitar o potencial hidroelétrico das usinas a fio d’água, com quedas menores que 8 metros de altura, potencial ainda pouco explorado no país.