Hospital Veterinário de Rondônia é o primeiro no estado a usar energia solar

Expectativa é que retorno médio do investimento ocorra em nove anos

O Centro Universitário Faculdades Integradas Aparício Carvalho, em Porto Velho (RO), optou pela instalação de um sistema fotovoltaico que vai atender quase a totalidade do consumo em 142.619 Kwh/ano de energia elétrica do Hospital Veterinário. O projeto e execução foram realizados pela Quantum Engenharia, empresa catarinense no setor. Com 2.500 m², o espaço é o maior Hospital Veterinário da região Norte do país e o primeiro de Rondônia a utilizar energia solar para suprir a maior parte do consumo.

Até maio os laboratórios, salas de aula, consultórios e clínica já serão abastecidos pela geração de energia solar. A expectativa é de que o retorno médio do investimento ocorra em até nove anos. O sistema de 108,12 kWp conta com 408 painéis fotovoltaicos de 265 Wp. O ganho de sustentabilidade do hospital por ano é equivalente à preservação de 48.743 árvores, além de deixar de emitir 1.899.573 kg de CO₂ para o meio ambiente.

Gilberto Vieira Filho, presidente da Quantum Engenharia, que é a empresa responsável pelo projeto e obras, destaca a importância desse tipo de investimento. Segundo ele, essa tomada de consciência para a geração de energia limpa é muito importante. Para ele, o momento de escassez de recursos hídricos faz com que além da energia fotovoltaica ser excelente ao meio ambiente, ainda seja um investimento muito inteligente.