MME autoriza UFVs da Celeo Redes como produtores independentes

Obras em seis usinas no Piauí vão até 2022, cada uma movimentando R$ 155,2 milhões em investimentos

O Ministério de Minas e Energia aprovou a operação como produtor independente de energia de seis usinas de geração solar denominadas Etesa 17, 18, 19, 20, 21 e 22, ambas localizadas no município de São João do Piauí (PI). As UFVs, que também foram definidas pelo MME como projetos prioritários e enquadradas junto ao Reidi, são de posse da Celeo Redes, e todas preveem 29,9 MW de capacidade instalada. O cronograma dos projetos vai de maio de 2020 até janeiro de 2022, com cada empreendimento demandando cerca de R$ 155,2 milhões em investimentos, sem contar a incidência de impostos.