Linhão do Madeira faz preço spot cair 13% em todos os submercados

Para a próxima semana, expectativa é que a carga fique em torno de 695 MW médios mais alta

O Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) para o período entre 29 de setembro e 5 de outubro caiu 13%, na média, ao passar de R$ 441,87/MWh para R$ 386,47/MWh nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte.

Segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), o principal fator para a queda do preço é a antecipação da implantação do eletrodo de terra do 2º bipolo do Madeira, de novembro para fevereiro de 2019, permitindo maior escoamento da geração das hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau, bem como maior envio de energia do Norte para o Sudeste.

As afluências esperadas para setembro devem fechar em torno de 84% da Média de Longo Termo (MLT) com ENAs em 83% da média no Sudeste, 98% no Sul, 40% da MLT no Nordeste e em 73% da média histórica no Norte. Para outubro, a expectativa é de afluências em 70% da MLT para o Sistema.

Para a próxima semana, a expectativa é que a carga fique em torno de 695 MW médios mais alta, com redução esperada apenas no Norte (-30 MW médios). A previsão é de elevações no Sudeste (+675 MW médios), Sul (+15 MW médios) e Nordeste (+35 MW médios).

Já os níveis dos reservatórios do Sistema Interligado Nacional (SIN) ficaram cerca de 675 MW médios mais baixos em relação ao esperado, com elevação apenas no Nordeste (+155 MW médios). No Sudeste os níveis não se alteraram, enquanto registraram quedas no Sul (-665 MW médios) e Norte (-165 MW médios).

O fator de ajuste do Mecanismo de Realocação de Energia (MRE) esperado para setembro é de 56,7% e de 64% para outubro. A previsão de Encargos de Serviços do Sistema (ESS) para setembro é de R$ 275 milhões, sendo R$ 30 milhões referentes à restrição operativa e os demais R$ 245 milhões à segurança energética.

Para outubro, o ESS esperado por restrição operativa é de R$ 38 milhões. Já os encargos por segurança energética estão previstos em R$ 15 milhões. A previsão para outubro segue o definido pelo CMSE, cuja geração fora da ordem de mérito foi autorizada apenas para a próxima semana, uma vez que este comando vem sendo revisto semanalmente.