Estimativas de custos da CCEE são aprovadas pela Aneel

Valores consideram custos administrativos, financeiros e tributários incorridos na gestão de contas setoriais

A diretoria da Agência Nacinal de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira, 18 de dezembro, os custos administrativos, financeiros e tributários (CAFTs) incorridos pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) na gestão de contas setoriais. De acordo com a decisão, a Aneel tem monitorado periodicamente a gestão das contas e dos fundos setoriais pela CCEE, inclusive quanto aos CAFTs e que, para avaliar a proposta orçamentária, considerou-se não somente a estimativa apresentada pela CCEE, mas também a análise do monitoramento quanto aos CAFTs realizados até o encerramento do terceiro trimestre de 2018.

Confira os valores homologados: