Eletrobras homologa direito de preferência de Taesa e Cemig

Empresas participaram do leilão de venda de SPEs de transmissão e de geração realizado em setembro do ano passado

A Eletrobras homologou o resultado dos pedidos de direito de preferência pelos lotes licitados em seu leilão de privatização, realizado em setembro do ano passado. Em fato relevante publicado na noite desta terça-feira (15), a Taesa e Cemig informaram que exerceram seu direito conforme o acordo de acionistas nas SPEs referentes aos lotes L, N e P, que continham ativos de transmissão.
Para esses ativos as empresas apresentaram os lances mínimos em cada um.  A diretoria executiva da estatal homologou no lote L, da SPE Brasnorte a venda da participação societária detida pela Eletrobras de 49,71% para a acionista externa e proponente vencedora Taesa, que optou por exercer seu direito de preferência.
Em relação ao lote N, na ETAU, a participação societária detida pela empresa vendedora, de 27,4162%, foi homologada para as acionistas externas Taesa e DME Energética, na proporção de 23,0355% e 4,3807%, respectivamente, que optaram por exercer seu direito de preferência. A última deliberação ficou por conta do lote P, na SPE Centroeste, cuja participação de 49% da estatal federal ficou com a Cemig, que também optou por exercer seu direito de preferência.
O comunicado informa que, desta forma, o processo do leilão está formalmente encerrado em relação a tais lotes, podendo a Eletrobras proceder ao próximo passo necessário à alienação que consiste na celebração do contrato de compra e venda de ações em relação aos lotes.