MME autoriza ampliação de térmica em SP

UTE Casa de Força irá aumentar capacidade em 10 MW, num investimento de R$ 10,1 milhões

O Ministério de Minas e Energia acatou a solicitação da Alcoeste Bioenergia para ampliação em 10 MW da capacidade instalada da Central Geradora Termelétrica Casa de Força, localizada no município de Fernandópolis, São Paulo. A deliberação foi publicada no Diário Oficial da União da última quarta-feira, 23 de janeiro

A térmica passará a ser constituída por três unidades geradoras, sendo as já existentes de 2,4 MW e 4 MW, e a nova de 10 MW, totalizando 16,4 MW de potência instalada. A usina funciona através do ciclo Rankine, utilizando bagaço de cana-de-açúcar como combustível principal para geração de energia.

O projeto também foi enquadrado junto ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infra-Estrutura – Reidi, e tem seu cronograma para a expansão previsto entre junho de 2021 até abril de 2023, com o emprego de cerca de R$ 10,1 milhões em investimentos, sem contar a incidência de impostos.