Aneel envia técnicos para reavaliar PCH da Vale

PCH Melo foi inundada após fortes chuvas

A Agência Nacional de Energia Elétrica determinou o envio de uma equipe técnica para Rio Preto (MG) para acompanhar de perto a situação da PCH Mello (10 MW), da Vale. Depois que fortes chuvas durante a madrugada do último sábado, 16 de março, inundaram a galeria de drenagem da usina, o nível de segurança da barragem foi elevado e a empresa acionou o nível 2 do plano de emergência, com a evacuação preventiva de 29 moradores da região. A fiscalização da agência em Brasília comunicou a Defesa Civil Nacional e está em contato permanente com a Vale. A usina de 10 MW de potência havia sido fiscalizada na última terça-feira, 12, pela força-tarefa da Aneel que está vistoriando barragens em todo o país.

Na ocasião, verificou-se que a barragem vinha passando por obras de reforço em sua estrutura e que estava em conclusão a instalação de instrumentação adicional. Desde novembro de 2018, a barragem passa por obras visando o aumento da segurança e foi estabelecido um gatilho para o acionamento do plano de realocação de pessoas para fora da Zona de Autossalvamento relacionado ao nível de água do reservatório.

Ainda de acordo com a Vale, ela acionou os moradores e disponibilizou hospedagem. São 10 propriedades rurais na ZAS e 29 pessoas mapeadas, sendo que algumas possuem residências em área urbana e não são moradores fixos.