Enel X instala solução energética para rede de mercados no Rio de Janeiro

Rede Armazém do Grão quer ornar mais eficiente o consumo de energia de lojas

A Enel X deu início a um pacote de serviços de eficientização da iluminação e geração de energia solar para a rede de mercados Armazém do Grão, em Petrópolis, no Rio de Janeiro. O projeto contempla as seis lojas da rede (Bingen, Corrêas, Mosela, Valparaíso, Itaipava e Centro) e o Centro de Distribuição do grupo, no bairro Duarte da Silveira.

Ao todo, serão instalados painéis fotovoltaicos em cinco lojas, que vão gerar energia suficiente para atender quase a totalidade do consumo de energia de duas lojas e do Centro de Distribuição. Também serão substituídas lâmpadas comuns por modelos de tecnologia LED mais eficientes. Com as iniciativas, a rede terá cerca de 30% de redução no consumo de energia de suas unidades. O Armazém do Grão contará com uma plataforma digital da Enel X para acompanhar a economia gerada pelos sistemas e gerenciar de forma eficiente seus custos com energia.

O projeto de eficientização inclui a substituição de cerca de duas mil lâmpadas comuns por LED. Com a iniciativa, as lojas passarão a economizar na conta de energia e reduzirão seus custos de manutenção. Para se ter uma ideia, atualmente, a rede Armazém do Grão consome, em média, 40 mil kWh/mês apenas com iluminação e, com o projeto, passará a consumir cerca de 21 mil kWh/mês. Essa redução representa uma diminuição de 47% do consumo de energia do sistema de iluminação e uma economia de aproximadamente R$ 12 mil mensais. Além disso, as lojas passarão a oferecer mais conforto aos profissionais e clientes das unidades. A expectativa é que essa etapa do projeto seja finalizada até o mês de julho de 2019.

“Os projetos de eficiência energética da Enel X têm foco no consumo consciente de energia. Desta forma, queremos contribuir para adoção de práticas inteligentes e econômicas no uso da energia, gerando negócios cada vez mais sustentáveis aos nossos clientes”, explica Tennessee Pearce, responsável pela área de e-Industries da Enel X no Brasil, que desenvolve soluções para clientes comerciais e industriais.

Outra frente relevante do projeto é a instalação de um sistema de minigeração de energia solar. Os painéis fotovoltaicos serão instalados no telhado de cinco unidades e gerarão, aproximadamente, 56 mil kWh/mês. A energia produzida pelas placas solares atenderá quase a totalidade do consumo das unidades do Centro de Distribuição, na Duarte da Silveira, e das lojas do Centro e do Valparaíso, que não precisarão mais de geradores de energia.

Para fechar o pacote de ações de eficientização, a Enel X também disponibilizará para o Armazém do Grão o Serviço de Gestão Eficiente de Energia, que conta com uma plataforma digital e um consultor especializado, contribuindo para a melhor gestão dos custos com energia do Armazém do Grão.

“A economia de custos gerada pelo projeto da Enel X é muito bem-vinda, é claro, mas não foi o fator determinante de nossa decisão. Os aspectos relacionados ao ineditismo e a inovação representam a maior parcela de nossas expectativas. Poder relacionar nossa marca com geração de energia limpa em nossa cidade é um grande objetivo nosso. Neste projeto, estamos falando de 1.560 placas solares, o equivalente a benefícios ambientais que se traduzem na preservação de 17.500 árvores, em um horizonte de 25 anos. É a contribuição que o Armazém do Grão está dando para a nossa geração e para as futuras”, explica Antoane Correa, diretor-presidente da Rede Armazém do Grão.