Ministro espera que limpeza da pauta facilite inclusão de projeto do GSF no plenário da Câmara

Albuquerque participou do lançamento de mais uma frente parlamentar na casa nesta quinta-feira ,30 de maio

A aprovação de medidas provisórias pode facilitar a votação no plenário da Câmara, na semana que vem, do Projeto de Lei 10.985, que trata da solução para os débitos dos geradores com o risco hidrológico. A expectativa é do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. “Eu espero por isso há muitas semanas, mas acredito que essa semana foi uma semana de trabalho bastante intensa aqui no Congresso. Acho que a pauta foi limpa no que diz respeito às medidas provisórias”, disse o ministro, após participar da posse dos novos coordenadores da Frente Parlamentar do Setor Sucroenergético.

Albuquerque afirmou que tem conversado com parlamentares sobre o assunto. Há, na Câmara, uma mobilização para incluir projeto na pauta do plenário. “Tenho conversado com todos. Essa é uma outra coisa boa de comparecer ao lançamento de todas essas frentes. A gente tem oportunidade de conversar com os parlamentares, não só sobre o assunto propriamente dito da frente, mas sobre outros assuntos de interesse do país, particularmente da área de Minas e Energia.”