Térmicas são liberadas para operação comercial em Rondônia

Decisão da Aneel contempla 49 unidades geradoras de dez usinas da Amazonbio e da Brasil BioFuels

A superintendência de fiscalização dos serviços de geração da Aneel aceitou a solicitação da Amazonbio e da Brasil BioFuels e liberou 49 unidades geradoras de dez usinas termelétricas para operação comercial no estado de Rondônia, que funciona através do Sistema Isolado. A decisão foi publicada nessa terça-feira, 25 de junho, no Diário Oficial da União, através do despacho nº 1.780.

Segundo a publicação, a capacidade total aprovada para operação das novas unidades é de aproximadamente 6,4 MW, entre as usinas Calama (1,7 MW), São Carlos (1,6 MW), Nazaré (742 kW), Rolim de Moura do Guaporé (662 kW), Surpresa (660 kW), Demarcação (286 kW), Santa Catarina (234 kW, Pedras Negras (232), Conceição da Galera (198 kW) e Maici (77 kW).