Em artigo exclusivo, Marisete Dadald reflete sobre debate da modernização do setor

Secretária-executiva e Agnes Da Costa, Assessoria Especial em Assuntos Regulatórios, analisam discussões ocorridas no Enase e em Workshop

A secretária-executiva do Ministério de Minas e Energia, Marisete Dadald Pereira, e a chefe da Assessoria Especial em Assuntos Regulatórios, Agnes da Costa, refletem sobre os debates em volta da modernização do setor elétrico em novo artigo exclusivo publicado nesta terça-feira, 10 de setembro, no Portal CanalEnergia. Segundo elas, “Há muito não se via um alinhamento tão grande entre as instituições que formam a governança do setor elétrico brasileiro”.

Elas dizem que a sintonia alcançada entre as instituições – MME, Aneel, CCEE, EPE e ONS – pôde ser percebida pelo público do Encontro Nacional dos Agentes do Setor Elétrico, no fim de agosto, através do “discurso coerente e ponderado de todas as entidades, desde as palavras de abertura do Ministro Bento Albuquerque”. O reconhecimento do trabalho veio através da pesquisa realizada no evento na qual 60% do público acredita que qualquer reforma não poderia ser realizada em menos de três anos.

“O que se nota dessas iniciativas é que essas instituições vêm se aprofundando para a elaboração de uma solução estrutural para o setor, pautando para discussão pública e transparente, conforme orientado pelo Ministro, os rumos que pretendem dar para esses pilares do setor, que possivelmente poderão lograr alterações nas regras num horizonte inferior aos 3 anos”, afirmam referindo-se às várias consultas públicas abertas para discutir a modernização do setor.

O texto completo está disponível para quem tem cadastro no Portal CanalEnergia na nossa seção de Artigos, clicando aqui.