G

Garantias Financeiras (Financial Guaranties)

Meios, executáveis extrajudicialmente, com que se assegura o cumprimento de uma obrigação de pagamento

Gás (Gas)

O estado da matéria que não tem forma nem volume independentes. O gás se expande para preencher todo o recipiente no qual está contido. O gás é uma das três formas da matéria: sólidos, líquidos e gases.

Associado
(Associated) Gás natural livre em contato imediato, mas não em solução com o óleo cru no reservatório. Também chamado “gás de depósito”.

Azedo
(Sour) Gás natural que em seu estado natural contém tais quantidades de enxofre que não permitem seu uso sem purificação, devido ao efeito corrosivo dos compostos de enxofre na tubulação e nos equipamentos.

Boca de Tubulão
(Casinghead) Gás natural não processado produzido em um reservatório contendo óleo; gás natural produzido pelo óleo de poços de petróleo. Às vezes chamado “gás de poço de óleo”, “gás úmido” ou “gás de solução”.

Combustível ou para Uso Combustível
(Fuel or Fuel Use) Gás natural usado por um gasoduto como combustível para seus compressores operarem o sistema (geralmente retido pe

Gás Combustível de Caldeira (Boiler Fuel Gas)

Gás natural usado como combustível para geração de vapor ou água quente.

Gás Firme (Firm Gas)

Gás vendido em uma base contínua por um prazo contratual definido (p. ex. um ano).

Gás Natural (Natural Gas)

Mistura de ocorrência natural de hidrocarbonetos gasosos e não-gasosos encontrados em formações geológicas porosas abaixo da superfície terrestre, geralmente associada com petróleo. O constituinte principal é o metano, CH4.

Gás Natural Condensado (Condensate, Natural Gas)

Hidrocarbonetos, existentes na forma de vapor em reservatórios de gás natural, que se condensam como líquidos à medida que sua temperatura e pressão decrescem quando se produz gás natural. Os condensados de gás natural constam principalmente de pentanos (C5H12) e alguns hidrocarbonetos mais pesados. Uma vez condensado, o gás natural líquido é geralmente misturado com óleo cru para ser refinado. Compare com GÁS NATURAL LÍQUIDO.

Gás Natural Líquido (Liquids, Natural Gas)

As misturas de hidrocarbonetos líquidos que são gasosas às temperaturas e pressões de reservatório, mas podem ser recuperadas por condensação ou absorção. A gasolina natural e os gases liquefeitos de petróleo caem dentro desta categoria.

Gaseificação (Gasification)

Qualquer dos vários processos pelo qual o carvão é transformado em gás natural.

Gaseificação de Carvão (Coal Gasification)

Um processo controlado para reagir carvão, vapor e oxigênio sob pressão e a temperatura elevada para produzir gás de carvão. O gás criado tem um baixo valor calorífico, mas pode ser empregado beneficiamento catalítico para produzir gás com nível de gasoduto com alta Btu.

Gasoduto (Pipeline)

Instalação ou empreendimento dedicado ao transporte de gás natural.

Gasoduto Financiado por Empreendimento (Project-Financed Pipeline)

Um gasoduto financiado estimando-se que os rendimentos esperados cubram a dívida. (EUA)

Gasolina Natural (Natural Gasoline)

Misturas de hidrocarboneto líquido contendo quantidades substanciais de pentano e hicrocarbonetos mais pesados, extraídos de gás natural.

Gastos de Construção (Construction Expenditures)

Custo de construção para ampliações, reformas e substituições dos equipamentos de usinas, incluindo custos indiretos e folgas para financiamentos usados durante a construção. Exclui o custo de compra de uma unidade ou sistema operacional de uma usina de “concessionária” adquirida, transferências contábeis e ajustes na usina da “concessionária”, e o custo para tirar de serviço equipamentos da usina. Gastos de construção são capitalizados na base tarifária da “concessionária”. (EUA)

Geração (Generation)

O processo de produção de energia elétrica pela transformação de outras formas de energia como vapor, calor ou queda d’água. Também a quantidade de energia elétrica produzida, expressa em kilowatt-horas (kWh) ou megawatt-horas (MWh).

Geração Bruta (Gross Generation)

A quantidade total de energia elétrica produzida pela unidades geradoras de uma ou mais usinas geradoras, medida nos terminais do gerador. (EUA)

Geração de Potência Reativa (Reactive Power Generation)

A produção de corrente elétrica que está adiantada ou atrasada em relação à fase da tensão elétrica. A potência reativa fornece a energia que carrega as cargas eletromagnéticas e as necessidades reativas do sistema de transmissão.(EUA)

Geração Despachável (Dispatchable Generation)

Geração disponível (contratual ou fisicamente) para responder a mudanças na demanda do sistema ou a restrições de segurança na transmissão.(EUA)

Geração Distribuída (Distributed Generation)

Energia elétrica produzida fora de uma unidade geradora centralizada, tal como uso de tecnologia de célula de combustível ou de equipamento gerador local de pequena escala. (EUA)

Geração Efetiva Bruta (Gross Actual Generation)

Quantidade efetiva de megawatt-horas (MWh) elétricos gerados pela unidade durante o período considerado. (EUA)

Geração Efetiva Líquida (Net Actual Generation (MWh))

Número efetivo de megawatt-horas gerados pela unidade durante o período considerado, menos qualquer geração (MWh) utilizada para serviço ou auxiliares da usina daquela unidade. (EUA)

Geração Geotérmica (Geothermal)

Energia gerada a partir de energia térmica derivada de rocha, ou água quente ou vapor abaixo da superfície terrestre. (Vide: Usina Geotérmica)

Geração Líquida (Net Generation)

Geração bruta menos a energia elétrica consumida para uso próprio em uma usina geradora.

Geração Solar (Solar Generation)

Uso de radiação do sol para substituir o aquecimento por energia elétrica ou gás natural.

Geração Térmica (Thermal Generation)

Produção de eletricidade por usinas que convertem energia calórica em elétrica. O calor nas usinas térmicas pode ser produzido por várias fontes, tais como carvão, óleo, gás ou combustível nuclear.

Gerador (Generator)

(1)Máquina que converte energia mecânica em elétrica. Geralmente classificado em termos de potência real (megawatts) e potência reativa (megavars) de saída, ou saída de potência real (megawatts) e fator de potência. Geradores exigem uma fonte de entrada de energia mecânica (geralmente uma turbina) e equipamentos auxiliares para interface com a rede de transmissão.

(2)pessoa ou empresa que opera um gerador.

Gerador de Serviço da Usina (Station Service Generator)

Um gerador, geralmente encontrado nas usinas hidrelétricas e usado para fornecer energia elétrica para equipamentos de serviço da própria usina. (EUA)

Gerenciamento da Carga (Load Management)

O gerenciamento dos padrões de carga para melhor utilizar as instalações do sistema. Geralmente o gerenciamento da carga tenta deslocar a carga dos períodos de ponta para outros períodos do dia ou do ano. (EUA)

Gerenciamento de Riscos (Risk Management)

(1)Redução da perspectiva de perdas que interferirão com a execução da estratégia de uma empresa. Permite aos administradores focalizar diretamente o valor do acionista como objetivo na tomada de decisões.

Um programa de gerenciamento de riscos geralmente envolve cinco passos:
– Identificar a fonte do risco
– Quantificar o risco
– Esclarecer o impacto do risco na estratégia de negócios global da companhia
– Avaliar a capacidade de gerenciar internamente o risco
– Selecionar os produtos de gerenciamento de risco apropriados

(2) (administração de risco) Função de reduzir, distribuir ou evitar a perda do valor pecuniário dos produtos e serviços durante a comercialização.(Michaelis)

Gerenciamento do Lado da Demanda (Demand-Side Management (DSM))

Designação de todas atividades ou programas empreendidos por um sistema elétrico ou seus consumidores para influenciar a quantidade e hora do uso de eletricidade. Incluídos no DSM estão o planejamento, implementação e monitoração de atividades da “concessionária” destinadas a influenciar o uso de eletricidade pelo consumidor de forma que produza mudanças desejadas no perfil de carga da “concessionária”, tais como controle da carga direta, carga interrompível e economia, dentre outras coisas.

Gigajoule (Gigajoule)

Uma unidade de energia igual a 947.817 BTU.

Gigawatt (Gigawatt (GW))

Um bilhão de watts.

Gigawatt-hora (Gigawatt-hour (GWh))

Um bilhão de watt-horas.

Grupo “A” (Group “A”)

Grupamento composto de unidades consumidoras com fornecimento em tensão igual ou superior a 2,3 kV, ou, ainda, atendidas em tensão inferior a 2,3 kV a partir de sistema subterrâneo de distribuição e faturadas neste Grupo nos termos definidos no art. 82, caracterizado pela estruturação tarifária binômia e subdividido nos seguintes subgrupos:

a) Subgrupo A1 – tensão de fornecimento igual ou superior a 230 kV;

b) Subgrupo A2 – tensão de fornecimento de 88 kV a 138 kV;

c) Subgrupo A3 – tensão de fornecimento de 69 kV;

d) Subgrupo A3a – tensão de fornecimento de 30 kV a 44 kV;

e) Subgrupo A4 – tensão de fornecimento de 2,3 kV a 25 kV;

f) Subgrupo AS – tensão de fornecimento inferior a 2,3 kV, atendidas a partir de sistema subterrâneo de distribuição e faturadas neste Grupo em caráter opcional.

Grupo “B” (Group “B”)

Grupamento composto de unidades consumidoras com fornecimento em tensão inferior a 2,3 kV, ou, ainda, atendidas em tensão superior a 2,3 kV e faturadas neste Grupo nos termos definidos nos arts. 79 a 81, caracterizado pela estruturação tarifária monômia e subdividido nos seguintes subgrupos:

a) Subgrupo B1 – residencial;

b) Subgrupo B1 – residencial baixa renda;

c) Subgrupo B2 – rural;

d) Subgrupo B2 – cooperativa de eletrificação rural;

e) Subgrupo B2 – serviço público de irrigação;

f) Subgrupo B3 – demais classes;

g) Subgrupo B4 – iluminação pública.