Eletrobras Amazonas vai devolver receita de R$ 301 milhões em oito parcelas

Valor resultante da venda de energia do SIN será abatido até dezembro das cotas da CCC

A Eletrobras foi autorizada a parcelar em oito vezes a devolução da receita excedente de R$ 301,5 milhões, obtida pela Eletrobras Amazonas Distribuidora com a comercialização de energia do Sistema Interligado entre janeiro de 2012 e abril de 2015. O valor será deduzido em oito parcelas dos repasses de recursos da conta da Conta de Consumo de Combustíveis a que a concessionária tem direito, de abril a dezembro deste ano. O pedido de parcelamento foi feito pela distribuidora, que alertou para o comprometimento do fluxo de caixa, em razão da sistemática de reembolso de despesas pela CCC e dos custos das atividades de geração e de distribuição da empresa. O saldo devedor será corrigido mensalmente pela Selic, até a quitação do valor no fim do ano.