S&P reafirma ratings atribuídos a Taesa

Ratings 'BB+' na escala global e 'brAA+/brA-1’ na Escala Nacional Brasil refletem concordância com perfil de risco de negócio e adequação da liquidez

A agência de classificação de risco Standard & Poor’s reafirmou na última quinta-feira, 29 de outubro, os ratings ‘BB+’ na escala global e ‘brAA+/brA-1’ na Escala Nacional Brasil atribuídos à Taesa. A agência também reafirmou os ratings de emissão de longo prazo ‘brAA+’ atribuídos às dívidas da empresa. A perspectiva dos ratings de crédito corporativo continua negativa. Simultaneamente, ela atribuiu o rating de recuperação ‘3’ para a terceira emissão de debêntures da empresa, no valor de R$ 2,1 bilhões.

De acordo com a Standard & Poor’s, os ratings da Taesa refletem a visão de seu perfil de risco de negócios satisfatório e liquidez adequada. O rating também incorpora a expectativa que ela vai manter sólidas métricas de crédito nos próximos anos. A avaliação feita para o perfil do risco de negócios da Taesa reflete a posição que ela tem no mercado de transmissão, com muitos ativos e estabilidade regulatória possibilita um fluxo de receita estável e previsível.