Multa da Taesa por apagão em 2012 é reduzida para R$ 7,8 milhões

Aneel manteve penalidade de R$ 87,4 mil por outra ocorrência naquele ano que também levou a um blecaute no Norte e Nordeste

A Agência Nacional de Energia Elétrica ratificou a decisão de reduzir de R$ 9 milhões para R$ 7,8 milhões multa aplicada à Taesa em consequência do blecaute que atingiu a região Nordeste e parte do Norte do país em 26 de outubro de 2012. O incidente teve origem na subestação Colinas (TO), e isolou as duas regiões do subsistema Sudeste/Centro-Oeste. A fiscalização da agência apontou falhas na operação das instalações, que teriam provocado a abertura de uma chave seccionadora da subestação.

Em outro processo, a agência manteve multa de R$ 87,4 mil pela ocorrência que levou a desligamentos automáticos de equipamentos e linhas de transmissão das regiões Norte e Nordeste, com origem em curto-circuito em equipamentos da Subestação Imperatriz (MA). O incidente aconteceu às 15:49 horas de 22 de setembro de 2012. Segundo a Aneel, a empresa foi multada pela atuação incorreta da proteção da Linha de Transmissão 500kV Rio das Éguas – Bom Jesus da Lapa II e também em razão da indisponibilidade do reator de barra 05E3 da Subestação Rio das Éguas.