Brasil e Coreia do Sul firmam memorando para cooperação em energia nuclear

Parceria será feita entre a Eletrobras e companhia do país asiático

Brasil e Coreia do Sul firmaram memorando de cooperação na área de energia nuclear. O termo foi assinado pelos presidentes da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, e da Korea Electric Power Company, Cho Hwaniek, e permitirá a troca de dados e experiências, realização de visitas, e o trabalho conjunto entre as duas empresas por meio da Eletronuclear. O acordo faz parte das parcerias firmadas entre a presidentas Dilma Rousseff e Park Geun-hye, que está em visita ao país.

“A associação entre a Eletrobras, a Eletronuclear e a empresa coreana KEPCO, formalizada hoje, permitirá um intercâmbio de tecnologias e experiências no âmbito da tecnologia termonuclear com ganhos para ambos os lados”, afirmou a presidenta Dilma, que ressaltando que há espaço importante para a realização de novos esforços com vistas à diversificação do comércio bilateral entre os dois países.

A presidenta coreana mencionou a experiência de seu país na área de redes elétricas inteligentes, como um exemplo do potencial de intercâmbios comerciais e tecnológicos.