Prumo negocia com Bolognesi compra de UTE Novo Tempo

Fase de negociação ainda é preliminar. Térmica possui 1.200 MW de potência

A Prumo Logística informou em comunicado ao mercado nesta terça-feira, 6 de junho, que está em negociações preliminares e ainda não vinculantes com a Bolognesi para a transferência dos direitos da Bolognesi no contrato de venda de energia da UTE Novo Tempo (1.200 MW). O empreendimento a gás natural foi comercializada no leilão A-5 de 2014 e fica localizada no estado de Pernambuco. Seu projeto compreende a construção de um terminal GNL, que vai suprir a usina. A Bolognesi vem vem tentando viabilizar a construção da térmica e chegou a pedir adiamentos da entrada em operação ao projeto ao órgão regulador.

No comunicado, a Prumo frisa que ainda se encontra em fase de negociação, “que não tem visibilidade sobre a concretização do negócio preliminar com a Bolognesi”. Ela afirma haver nenhum contrato definitivo ou documento vinculante assinado.