CPFL Paulista investe R$34 milhões na rede elétrica de Campinas e Ribeirão Preto

Ações visam melhorar qualidade de fornecimento e distribuição da energia

A CPFL Paulista (SP) anunciou na última terça-feira, 5 de setembro, investimentos realizados nas cidades de Campinas e Ribeirão Preto. Ao todo foram R$ 34 milhões aplicados em melhorias e ampliação na rede elétrica, buscando manter e melhorar a qualidade do fornecimento nas regiões.

Em Campinas R$ 20 milhões foram destinados a realização de obras de expansão da rede de distribuição de energia elétrica na área central da cidade. A Subestação Campinas Centro, contará com a instalação do quarto Transformador de Potência, ampliando assim sua capacidade. Com a alteração, a subestação passará dos atuais 150 MVA para 200 MVA, contando com uma reserva de 50 MVA.

Entre as obras previstas estão a construção de novos trechos de rede, recondutoramento de redes existentes, instalação de dez novas saídas subterrâneas na região central, substituição de postes e instalação de Chaves de Manobra, que permitem executar operações de maneira remota, em tempo real.

A concessionária ainda informou que durante as obras serão sentidas pelos clientes ações como piscas, com interrupção momentânea no fornecimento de energia com duração máxima de três minutos. Em casos de necessidade, os clientes deverão receber avisos antecipados de Desligamentos Programados. Esses desligamentos serão comunicados aos clientes com antecedência, são necessários para que os trabalhos sejam executados com segurança tanto para clientes, como para os técnicos e eletricistas envolvidos.

Em Ribeirão Preto foram aportados R$14 milhões no sistema de distribuição da cidade, durante o primeiro semestre de 2017. Com crescimento de 69,5% na comparação com o mesmo período do ano passado, os recursos contribuíram para elevar a qualidade do serviço na cidade, trazendo mais conforto e bem-estar para 288,9 mil consumidores.

Dentre os trabalhos executados no período, destacam-se as obras voltadas ao suporte para o crescimento de mercado, adequação de capacidade de subestações e linhas de transmissão, manutenção e expansão de redes.

Do total aplicado na cidade, em torno de R$4,19 milhões foram para projetos voltados ao atendimento ao cliente, com a ampliação da extensão das redes elétricas e instalação de medidores para clientes residenciais, comerciais e industriais. Isso possibilitou o acréscimo de 1,651 mil consumidores ao longo do primeiro semestre de 2017 na cidade. A CPFL Paulista também investiu R$2,7 milhões na expansão da capacidade de subestações e linhas de transmissão.

Os investimentos em manutenção e melhorias na rede elétrica somaram R$3,7 milhões, dos quais R$895 mil em manutenção programada e emergencial, troca de transformadores e manutenção de subestações. Já melhorias nas redes primária e secundária receberam R$2,8 milhões.

Para o presidente de distribuição, Carlos Zamboni Neto, os investimentos realizados pela distribuidora demonstram o compromisso com a busca constante da excelência em serviços e na manutenção da confiabilidade dos sistemas. “Foram realizadas obras importantes que vão trazer mais qualidade ao sistema elétrico e garantir a continuidade no fornecimento de energia. A distribuidora sempre manteve sua infraestrutura preparada, para responder às necessidades de crescimento e desenvolvimento das cidades onde atua”, afirmou Zamboni.