RGE Sul investe em modernização da rede elétrica no Rio Grande do Sul

Recursos foram destinados a novas ligações, substituição de medidores, troca de postes, entre outros reforços na rede elétrica

Nos primeiros sete meses de 2017, a RGE Sul investiu R$ 14,3 milhões em modernização do sistema elétrico do município de Canoas, segundo maior PIB do Rio Grande do Sul e a quarta maior população do estado com mais de 342 mil habitantes.

Os recursos foram destinados a novas ligações, substituição de medidores, troca de postes, troca de transformadores, manutenção de religadores e reguladores de tensão, reforma de redes de distribuição, substituição de cabos de linhas já existentes.

No mesmo período, a RGE também investiu R$ 7,5 milhões em obras na rede elétrica de São Leopoldo, cidade onde estão instaladas diversas empresas multinacionais. “Os investimentos da concessionária são constantes e tem o objetivo de levar mais desenvolvimento ao setor empresarial e mais modernidade e conforto para a população”, ressalta o consultor de Negócios da RGE Sul, Thiago Pedroso de Oliveira.

Nos seis primeiros meses deste ano, o total aplicado pela RGE saltou de R$ 129,5 milhões em 2016 para R$ 176,3 milhões em 2017. Na área concessão da RGE Sul, a CPFL reservou R$ 172,8 milhões, ou seja, um ganho de 40,1% em relação ao recurso empregado no ano passado. A previsão é de que até o final do ano o recurso aplicado chegue a R$ 700 milhões.

A Rio Grande Energia Sul é uma das distribuidoras de energia elétrica do Grupo CPFL Energia e tem atuação na região metropolitana, centro e leste do Rio Grande do Sul. A concessionária atende a 1,3 milhão de clientes em 118 municípios gaúchos, tem 100 mil km² de área de abrangência e 65 mil km de rede de distribuição.