Âmbar Energia é autorizada a importar gás natural

Autorização terá validade até 31 de dezembro de 2019

O Ministério de Minas e Energia (MME) autorizou a Âmbar Energia a importar gás natural por tempo determinado, conforme Portaria n° 76 publicada nesta quinta-feira, 8 de março, no Diário Oficial da União. A autorização terá validade até 31 de dezembro de 2019. A empresa poderá importar até 2,3 milhões de metros cúbicos de gás por dia da Bolívia, em regime extraordinário, com transporte pelo gasoduto Lateral-Cuiabá.

A Âmbar é uma geradora de energia com atuação também no segmento de transmissão de eletricidade. A empresa opera os complexos eólicos Baleia (CE-116 MW) e Punaú (RN- 132 MW), a termelétrica Cuiabá (MT-480 MW), além de quatro linhas e 11 subestações espalhadas pelos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Piauí, Distrito Federal e Goiás.