Água, energia elétrica e gás somaram 7,2% das reclamações do Idec em 2017

Instituto de defesa do consumidor divulgou seu ranking anual na semana do Dia Mundial do Consumidor

O ranking anual de atendimentos do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor incluiu pela primeira vez em uma categoria própria os serviços de água, energia elétrica e gás, que responderam por 7,2% do número de reclamações feitas por consumidores no ano passado. Até 2016, esses serviços apareciam na categoria Outros,  que vem depois das áreas tradicionalmente campeãs de reclamações e incluem diversas atividades.

A classificação divulgada pelo Idec nesta segunda-feira, 12 de março,  mostra os planos de saúde na liderança do ranking, com 23,4% dos registros. Produtos vêm em segundo lugar, com 17,8%; Serviços Financeiros em terceiro, com 16,7%; e Telecomunicações em quarto, com 15,8%.  A categoria Outros somou 19,1%

O instituto lembrou que apenas a área de produtos não é regulada por órgãos federais. Os resultados indicam, na avaliação da coordenadora executiva do Idec, Elici Bueno, “que a atuação de agências reguladoras, que são órgãos governamentais com papel de monitoramento, fiscalização, regulamentação e controle com foco no interesse público, ainda é ineficiente para proteger os consumidores e cidadãos de abusos praticados no fornecimento de bens e serviços.” A divulgação foi feita na abertura da semana do Dia Mundial do Consumidor.