RGE destina mais de R$ 16 milhões para Boa Vista do Cadeado e Caxias do Sul

Ações como troca de postes e instalação de religadores automáticos estão sendo executadas para fortalecer sistema de distribuição

A rede elétrica que atende os 2,5 mil habitantes de Boa Vista do Cadeado, no Noroeste do Rio Grande do Sul, vem recebendo importantes investimentos da RGE. As melhorias, orçadas em R$ 3,3 milhões, acontecem principalmente nos alimentadores que levam energia da Subestação Cruz Alta até os moradores da cidade, além da interligação com clientes de Pejuçara.

A primeira etapa das obras foi concluída no final do ano passado, com R$ 700 mil aportados. Foram trocados 162 postes de madeira por concreto ao longo da RS-342. Além disso, um religador automático foi instalado no trecho, permitindo o restabelecimento de energia de maneira mais breve quando a interrupção ocorre sem danos na rede, e, ainda, 14 quilômetros de rede tiveram cabos novos instalados.

Na segunda parte das ações de fortalecimento e modernização da rede de distribuição de energia da região, a concessionária está executando obras no alimentador que interliga as cargas de energia de Boa Vista do Cadeado, Pejuçara e Cruz Alta. Há obras de troca de postes, instalação de dois novos religadores automáticos e melhorias no cabeamento de 15,5 quilômetros de rede. O valor aplicado nesta etapa será de R$ 700 mil e beneficiará os municípios de Boa Vista do Cadeado e Pejuçara.

Com a execução de obras ainda no primeiro semestre, no alimentador localizado entre Eugênio de Castro e Joia, clientes rurais de Boa Vista do Cadeado serão beneficiados. Além da instalação de cabos protegidos onde há rede nua, numa extensão de 23 quilômetros, a distribuidora fará a extensão de rede em 5,5 quilômetros, criando um novo ponto e interligação para a região. Esta obra está orçada em R$ 1,5 milhão e beneficia, de maneira direta, clientes dos três municípios, incluindo propriedades rurais da comunidade de Ponte Queimada do município de Boa Vista do Cadeado.

Em outra etapa do Plano de Manutenção Preventiva da distribuidora, clientes da comunidade de Ponte Queimada, no interior de Boa Vista do Cadeado, terão 115 postes de madeira substituídos por novas unidades de concreto até outubro deste ano com aporte de R$ 400 mil. No início de 2018, a companhia ainda inspecionou toda a rede elétrica da localidade.

Segundo a Consultora de Negócios da RGE, Mari Lucia Santos, os investimentos que beneficiam os clientes de Boa Vista do Cadeado chegarão a R$ 3,3 milhões. “Nosso Plano de Manutenção está contemplando um grande reforço da rede elétrica de Boa Vista do Cadeado e municípios vizinhos. O grande investimento permitirá que aumentemos, de maneira significativa, a robustez da nossa rede elétrica e assim poderemos atender ainda melhor os clientes”, destacou Mari.

Caxias do Sul- No intuito de tornar a rede elétrica do maior município atendido pela RGE mais robusta e confiável, Caxias do Sul recebeu 407 obras desenvolvidas pela distribuidora do Grupo CPFL ao longo do ano passado. O investimento chegou a R$ 12,8 milhões e serviram para fortalecer e modernizar a rede de distribuição de energia do município, beneficiando todos os 208.350 clientes residenciais, industriais, comerciais, rurais e o poder público.

Em paralelo a essas obras, a concessionária entregou na última semana à comunidade da cidade, a nova Subestação Caxias 7. Além dela, uma Linha de Distribuição de Alta Tensão e 10 novos alimentadores passaram a fazer parte da rede elétrica caxiense. O empreendimento, que angariou R$ 32,7 milhões em recursos, amplia em 14% a capacidade elétrica da cidade, que é base de um dos principais polos metal-mecânicos do país.

As demais obras foram executadas ao longo de 2017 e proporcionaram uma maior confiabilidade no sistema. Com os valores aplicados, a companhia trocou postes de madeira por concreto em todos os bairros da cidade e localidades da zona rural, instalou novos religadores automáticos e reguladores de tensão, além de revisão e troca de quilômetros de cabeamento.

Para o Consultor de Negócios da RGE, Rafael Dala Brida, todos os componentes da rede elétrica de Caxias do Sul receberam melhorias no ano passado, fato que irá se repetir em 2018. “Cada vez que um novo equipamento é instalado na rede de maneira preventiva, como fazemos, os clientes passam a ter um sistema elétrico fortalecido, moderno e robusto. Nosso Plano de Manutenção é executado de maneira contínua e, no caso de Caxias, a maior cidade para a qual a RGE distribui energia, as obras continuarão em ritmo acelerado”, destacou Dala Brida.

A companhia ainda executou obras de ligação de novos clientes e extensão da rede elétrica. Como a economia do município é marcada fortemente pela presença da indústria, o sistema elétrico se coloca como um fator importante no desenvolvimento da cidade e, por consequência, da região e do Estado. As obras, além de beneficiarem os 480 mil habitantes enquanto cidadãos caxienses, tornam a rede elétrica ainda melhor para atender as demandas do setor industrial e do comércio, principalmente.