Aneel fixa cotas da CDE de fevereiro em R$ 41,3 milhões para transmissoras

Também foram fixados R$ 18,4 milhões relativo aos valores do PROINFA para junho

Dezesseis transmissoras de energia elétrica devem recolher até 10 de maio cerca de R$ 41,3 milhões a título de pagamento da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) do mês de fevereiro, conforme o despacho nº 866 da Agência Nacional de Energia Elétrica, publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 18 de abril.

A Aneel também fixou as cotas de custeio referentes ao Programa de Incentivo às Fontes Alternativas de Energia Elétrica, para o mês de junho de 2018, relativos às concessionárias do serviço público de transmissão de energia elétrica que atendam consumidor livre e/ou autoprodutor com unidade de consumo conectada às instalações da Rede Básica do Sistema Interligado Nacional.  O valor soma aproximadamente R$ 18,4 milhões, que deverá ser recolhido por 16 concessionárias de transmissão e entregues à Eletrobras até 10 de maio de 2018.