CVM reagenda leilão da Eletropaulo para 4 de junho

Prazo máximo para nova concorrente entrar na disputa é 14 de maio e novos preços podem ser propostos até 24 de maio

A Comissão de Valores Mobiliários alterou a data do leilão para a venda das ações da Eletropaulo. A nova data é 4 de junho sendo que o prazo máximo para uma nova oferta de uma nova OPA concorrente deve ocorrer até o dia 14 de maio, a 20 dias do leilão agendado. Qualquer novo aumento de preço pelas ações da distribuidora paulistana deverá ser apresentado até o dia 24 de maio.
Depois de uma sequência de novos lances, a italiana Enel é que detém o maior valor ofertado pelas ações da concessionária que até recentemente era controlada pela norte-americana AES. A empresa ofertou R$ 32,20 por papel ante uma proposta de R$ 32,10 da Neoenergia, que é controlada pela espanhola Iberdrola. Bem atrás, vem a proposta da Energisa com R$ 19,38.