Aneel aprova edital de leilão de transmissão

Certame previsto para 28 de junho vai licitar 20 lotes de concessões em 16 estados

A Agência Nacional de Energia Elétrica aprovou o edital do leilão de transmissão nº 2, que vai ofertar 20 lotes de concessões nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins. O certame está previsto para 28 de junho na sede da B3, em São Paulo.

Quatro lotes de instalações previstos inicialmente foram retirados do leilão e deverão entrar no próximo processo licitatório. Três deles (22, 23 e 24) são de projetos que dependem da realização de obras de distribuição pela Amazonas Distribuidora, estimadas em cerca de R$ 500 milhões. O quarto lote excluído é o de número 20, que inclui instalações da Eletrosul em Santa Catarina, que estão em processo de transferência para a Shangai Electric Power Transmission & Distributions Col Ltd
Os projetos do leilão somam 2.600 km de linhas de transmissão e 12.226 MVA em capacidade de transformação, com investimento previsto de R$ 6 bilhões. O prazo de entrada em operação comercial dos empreendimentos varia de 36 a 60 meses.

Confira os lotes incluidos no certame:
LOTE 1, composto pelas seguintes instalações no estado de Santa Catarina:
LT 230 kV Biguaçu – Ratones, C1 e C2, 10 km aéreo, 13 km subaquático e 5,6 km subterrânea;
SE 230/138 kV Ratones – 2 x 150 MVA.

LOTE 2, composto pelas seguintes instalações no estado do Rio de Janeiro:
LT 345 kV Macaé – Lagos, C2, com 17 km;
SE 345/138 kV Lagos – (9+1Res) x 133 MVA;
Trechos de LT em 345 kV entre o seccionamento da LT 345 kV COMPERJ – Macaé e a SE Lagos, com 2 x 5 km.

LOTE 3, composto pelas seguintes instalações nos estados do Ceará e Rio Grande do Norte:
LT 500 kV Pacatuba – Jaguaruana II, C1, com 155,03 km;
LT 500 kV Jaguaruana II – Açu III, C1, com 113,95 km;
LT 230 kV Jaguaruana II – Mossoró IV, CD, C1 e C2, com 2 x 54,54 km;
LT 230 kV Jaguaruana II – Russas II, C1, com 32 km;
LT 230 kV Caraúbas II – Açu III, CD, C1 e C2, com 2 x 65,13 km;
SE 500/230 kV Jaguaruana II – (6+1 res.) x 250 MVA e Compensador Estático (-150/+300) Mvar;
SE 500/230/69 kV Pacatuba – 500/230 kV – (6+1R) x 200MVA e 230/69kV – 2 x 200 MVA;
SE 230/69 kV Caraúbas II – 2 x 100 MVA;
Trechos de LT em 500 kV entre o seccionamento da LT 500 kV Fortaleza II – Pecém II C1 e a SE Pacatuba, com 2 x 0,5 km.

LOTE 4, composto pelas seguintes instalações no estado da Paraíba:
LT 500 kV Campina Grande III – João Pessoa II, C1, com 127 km;
SE 500/230/69 kV João Pessoa II – 500/230 kV – (3+1R) x 150 MVA e 230/69 kV – 2 x 150 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Goianinha – Mussuré II e a SE João Pessoa II, com 2 x 0,5 km;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Goianinha – Santa Rita II e a SE João Pessoa II, com 2 x 0,5 km;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Santa Rita II – Mussuré II e a SE João Pessoa II, com 2 x 0,5 km.

LOTE 5, composto pelas seguintes instalações no estado da Bahia:
SE 230/69 kV Alagoinhas II – 2 x 100 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Cicero Dantas – Catu C2 e a SE Alagoinhas II, com 2 x 0,5 km.

LOTE 6, composto pelas seguintes instalações no estado da Bahia:
SE 230/69 kV Feira de Santana III – 2 x 150 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Governador Mangabeira – Camaçari II C2 e a SE Feira de Santana III, com 2 x 54 km.

LOTE 7, composto pelas seguintes instalações nos estados da Bahia e Sergipe:
LT 500 kV Porto de Sergipe – Olindina, C1, com 180 km;
LT 500 kV Olindina – Sapeaçu, C1, com 207 km;
LT 230 kV Morro do Chapéu II – Irecê, C2 e C3, CD, com 67 km.

LOTE 8, composto pelas seguintes instalações no estado de Alagoas:
SE 230/69 kV Santana – 2 x 100 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Paulo Afonso III – Angelim C1 e a SE Santana, com 2 x 24 km.

LOTE 9, composto pelas seguintes instalações no estado do Ceará:
SE 230/69 kV Maracanaú II – 3 x 150 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Fortaleza II – Cauípe C3 e a SE Maracanaú II, com 2 x 1 km.

LOTE 10, composto pelas seguintes instalações no estado de São Paulo:
SE 500/230 kV Lorena – (3+1R) x 400 MVA;
Trechos de LT em 500 kV entre o seccionamento da LT 500 kV Tijuco Preto – Cachoeira Paulista C2 e a SE Lorena, com 2 x 2 km;
Trechos de LT em 500 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Aparecida – Santa Cabeça C1 e a SE Lorena, com 2 x 2 km;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Aparecida – Santa Cabeça C2 e a SE Lorena, com 2 x 2 km.

LOTE 11, composto pelas seguintes instalações no estado de Tocantins:
SE 500/138 kV Colinas – novo pátio de 138 kV e transformação 500/138 kV com (6+1 res.) x 60 MVA.

LOTE 12, composto pelas seguintes instalações no estado de Goiás:
LT 230 kV Edeia – Cachoeira Dourada, C1, com 150 km;
SE 345/230 kV Pirineus – novo pátio de 345 kV e transformação 345/230 kV com (6+1 res.) x 100 MVA;
SE Barro Alto 230 kV – Compensador Estático 230 kV – 1 x (-75/+150) Mvar;
Trechos de LT em 345 kV entre o seccionamento da LT 345 kV Samambaia – Bandeirantes – C2 e a SE Pirineus, com 2 x 2 km.

LOTE 13, composto pelas seguintes instalações no estado de Goiás:
SE 230/138 kV Rio Claro – 2 x 100 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT230 kV Rondonópolis – Rio Verde e a SE Rio Claro 2, com 2 x 2 km.

LOTE 14, composto pelas seguintes instalações no estado do Rio Grande do Sul:
SE 230/69 kV Cruz Alta 2 – 2 x 83 MVA;
Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Passo Real – Ijuí 2 e a SE Cruz Alta – 2×1 km.

LOTE 15, composto pelas seguintes instalações no estado do Pará:
LT 500 kV Tucuruí – Marituba, C1, com 374 km.

LOTE 16, composto pelas seguintes instalações nos estados do Piauí e Maranhão:
LT 230kV Ribeiro Gonçalves – Balsas, C2, com 95 km.

LOTE 17, composto pelas seguintes instalações no estado do Piauí:
LT 230 kV Chapada I – Chapada II, C1, com 12 km;
LT 230 kV Chapada II – Chapada III, C1, com 18 km;
SE 230/138 kV Chapada I – novo pátio de 138 kV e transformação 230/138 kV, com 2 x 200 MVA.

LOTE 18, composto pelas seguintes instalações no estado do Maranhão:
LT 230 kV Imperatriz – Porto Franco, C2, com 113 km.

LOTE 19, composto pelas seguintes instalações no estado do Pará:
LT 500 kV Serra Pelada – Integradora Sossego, CD, com 2 x 66,5 km;
LT 230 kV Integradora Sossego – Xinguara II, C2, com 72,3 km;
SE 500/138 kV Serra Pelada – novo pátio de 138 kV e transformação 500/138 kV com (6+1R) x 50 MVA;
SE 500/230 kV Integradora Sossego – novo pátio de 500 kV e transformação 500/230 kV com (6+1R) x 250 MVA.

LOTE 20, composto pelas seguintes instalações no estado de Minas Gerais:
LT 230 kV Janaúba 3 – Jaíba, CD, C1 e C2, com 93 km;
LT 345 kV Pirapora 2 – Três Marias, C1, com 112,2 km;
SE 230/138 kV Jaíba – 230/138kV (6+1R) x 33,3 MVA;
SE 500/230/138 kV Janaúba 3, transformação 500/230 kV, com (6+1R) x 100 MVA.