Cocel terá aumento médio de 12,03%

Compra de energia e encargos setoriais foram os itens que mais pesaram no reajuste tarifário anual da distribuidora

As tarifas da Companhia Campolarguense de Energia terão aumento médio de 12,03% a partir de 29 de junho. O efeito médio é de 16,76% para as tarifas do segmento de alta tensão e de 9,51% para os consumidores atendidos em baixa tensão.

Os  índices são resultantes do reajuste tarifário anual da distribuidora. Pesaram no resultado os aumentos de 4,42% nos encargos setoriais, de 1,39% no custo de transmissão e de 7,04% nos gastos com compra de energia. Também foram incluídos nas tarifas 4% em custos financeiros relacionados à variação do custo da energia nos últimos 12 meses, e retirados 3,46% em componentes financeiros que entraram na tarifa do ciclo anterior. A Cocel atende 49 mil unidades consumidoras no interior do Paraná.