Tarifa de transporte de Itaipu terá aumento de 7%

Aneel também fixa tarifas de uso de transmissão, encargos e tarifas de distribuição aplicadas a centrais geradoras para o ciclo 2018/2019

A tarifa de transporte de Itaipu terá aumento 7% e vai passar de R$ 9.150,18/MWh para R$9.794,44/MWh. O valor será pago a Furnas pelas distribuidoras cotistas da usina hidrelétrica.

Além de Itaipu, a Agencia Nacional de Energia Elétrica estabeleceu as Tarifas de Uso do Sistema de Transmissão, os encargos de uso do sistema de transmissão a serem pagos por distribuidoras com centrais de geração conectadas em redes de 88 e 138 kV e o adicional de Tust para instalações de interligação internacionais no ciclo 2018-2019. As novas tarifas serão aplicadas a partir de 1o de julho.

No caso das instalações da Rede Básica, está prevista queda de 2,5% (para R$18,677 bilhões) na Receita Anual Permitida a ser utilizada na definição das tarifas de uso do sistema. A Tust importação/exportação terá reduções de 7,7% a 10,1%, de acordo com a instalação utilizada. Para as instalações de interligação internacionais será aplicado aumento de 4,6% e a  Tusd para contratação de acesso ao sistema em caráter temporário será corrigida em 4,9%.

TUSDg

Também foram estabelecidas as Tarifas de Uso do Sistema de Distribuição de referência, aplicáveis às centrais geradoras conectadas em 88 e em 138 kV para o ciclo 2018-2019. Válidas a partir de 1º de julho, elas servirão de base para o calculo da TUSDg nas datas de revisão ou de reajuste tarifário das distribuidoras. Para o ciclo tarifário 2018/19 foram definidas tarifas de referência de 31 centrais geradoras, segundo a Aneel.