Abradee assina acordo de cooperação científica com a italiana Enel Foundation

Convênio permitirá troca de informações sobre temas como digitalização da rede elétrica e introdução de fontes renováveis

O Instituto de Energia da Abradee – organização sem fins lucrativos que desenvolve estudos e pesquisas para o setor elétrico – assinou um convênio de cooperação científica com a Enel Foundation, organização da sociedade civil de interesse público da Itália. O acordo permitirá a troca de informações técnicas e experiências em áreas de interesse comum, como digitalização da rede elétrica e introdução de fontes renováveis. O acordo também inclui o apoio científico da Enel Foundation a eventos promovidos pela Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) em diferentes níveis e a participação de especialistas da Abradee em projetos de capacitação promovidos pela fundação Enel.

A parceria foi anunciada na última quarta-feira, 21 de novembro, por Nelson Leite, presidente da Abradee, durante a 23º edição do Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica (Sendi), que está sendo realizado em Fortaleza, no Ceará. “Esse foi um grande gol que nós realizamos. Vamos ter acesso a um banco de dados da Enel Foundation, que tem assento na União Europeia”, destacou o executivo. “É um convênio de cooperação técnica que acho que vai trazer um benefício grande para a sociedade brasileira, porque vamos ter acesso a informações, treinamentos, cursos da União Europeia”, acrescentou. O convênio não envolve o pagamento de nenhum valor financeiro.

A Enel Foundation realiza pesquisas para definir processos mais eficazes de eletrificação e garantir que as smart grids se tornem cada vez mais um elemento chave para a transição energética, a partir de uma regulamentação mais eficiente. Abradee representa 49 membros e cobre quase todo o setor de distribuição de eletricidade do Brasil.

*O repórter viajou a convite da Abradee