Empresas de energia se destacam no ISE da B3

Nova carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial foi divulgada nesta semana

Nove empresas ligadas ao setor elétrico figuram na 14º carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. Divulgada na última quinta-feira, 29 de novembro, a nova carteira vai vigorar de 07 de janeiro de 2019 a 03 de janeiro de 2020. As representantes do setor elétrico são: AES Tietê, Cemig, Copel, EDP, Eletrobras, Eletropaulo, Engie, Light e a fabricante de equipamentos WEG.

A nova carteira do Índice, cujo parceiro técnico é o Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (FGVces), reúne 35 ações de 30 companhias. Além disso, representa 13 setores e soma R$ 1,73 trilhão em valor de mercado, 48,66% do total do valor das companhias com ações negociadas na B3, com base no fechamento de 27/11/2018 (em 2018, essa representatividade era de 41,47%).

O processo da carteira 2018 contou com a asseguração externa da KPMG que emitiu parecer de “Asseguração Limitada sem Ressalvas”. A asseguração do processo do ISE é realizada desde 2012, o que confere ainda mais credibilidade e confiabilidade ao índice. Além disso, o ISE mantem parceria de monitoramento diário de imprensa com a empresa Imagem Corporativa.Desde a sua criação, em 2005, o ISE apresentou performance de +203,80% contra +175,38% do Ibovespa (Base de fechamento em 27/11/2018). No mesmo período, o ISE teve ainda menor volatilidade: 24,22% em relação a 27,04% do Ibovespa.