Energisa Borborema terá aumento médio de tarifas de 4,36%

Reajuste anual da distribuidora que atende a municípios do interior da Paraíba entrará em vigor em 4 de fevereiro

As tarifas da Energisa Borborema ficarão em média 4,36% mais caras a partir de 4 de fevereiro. O impacto médio resultante do reajuste tarifário anual da distribuidora será de 3,81% para os consumidores atendidos em alta tensão, e de 4,60% para os clientes do segmento de baixa tensão.

Os itens que mais contribuíram para o aumento foram a compra de energia, com 4,16%, e os custos financeiros resultantes, principalmente, da variação das despesas com aquisição de energia nos últimos 12 meses. Esses custos tiveram participação de 6,10% no reajuste da empresa, e são consequência do maior acionamento de usinas térmicas e da geração hidrelétrica abaixo do esperado.

A Energisa Borborema atende a seis municípios no interior da Paraíba, totalizando 212 mil unidades consumidoras.