CEEE aplica R$ 47,4 milhões e energiza nova SE em Porto Alegre

Iniciativa disponibilizou dois novos transformadores para tender a demanda energética da cidade, que tem apresentado crescimento expressivo na última década

Numa ação que irá reforçar o fornecimento de energia à região Leste de Porto Alegre, equipes da CEEE Geração e Transmissão e da Transmissora de Energia Sul Brasileira (TESB) concluíram no último domingo, 17 de março, a energização da nova subestação Jardim Botânico, que passa a contar com dois novos transformadores de 83 MVA para atender com mais qualidade e confiabilidade a demanda energética na região, que tem apresentado expressivo crescimento na última década.

O novo empreendimento contou com investimentos superiores a R$ 47,4 milhões e inclui um trecho subterrâneo de dois quilômetros que vai até uma outra localidade que abriga a linha de transmissão de 230 kV que interliga essa unidade às subestações Gravataí 2, mais distante, na RS 118, e Porto Alegre 10, está mais próxima. Para o diretor de Geração e de Transmissão do Grupo CEEE, Jorge Paglioli Jobim, a entrega da nova SE marca o compromisso que a companhia tem com a qualidade da energia entregue à sociedade gaúcha. Ele ressalta o reconhecimento do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) às equipes da empresa e da TESB pelo trabalho: “O ONS acompanha de perto o atendimento à Grande Porto Alegre e destacou os esforços incansáveis e grande determinação de concluirmos as obras desta importante subestação”.

A unidade vai abastecer quatro subestações: Porto Alegre 5, 6, 10 e 12, num total de mais de 154 mil clientes da distribuidora sendo atendidos pelos benefícios do reforço, o terceiro importante entregue pela CEEE-GT e pela TESB na região Metropolitana da capital neste ano: um em 10 de março, quando foi concluída a energização dos reforços na SE Porto Alegre 13, que alteraram o arranjo do setor de 230 kV e implantaram novos equipamentos e outras melhorias para aumentar a confiabilidade operativa e disponibilidade dos equipamentos, beneficiando os consumidores da Zona Sul. Já em dezembro, foi concluída a nova SE Restinga, que passou a ser a principal fonte de transmissão de energia no sul e extremo sul da cidade. A nova unidade também possui dois transformadores de 83 MVA e passa a atender a região em 230 mil volts junto com a SE Porto Alegre 13.