CPFL Paulista aplicou R$ 43,1 milhões em melhorias na rede elétrica de Campinas em 2018

Clientes de Campinas, Americana, Paulínia, Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré se beneficiaram com a expansão, modernização e manutenção do sistema elétrico

A CPFL Paulista anunciou que investiu em 2018 um total de R$ 43,1 milhões em obras para melhorias e expansão do sistema elétrico da região de Campinas, atingindo 988 mil clientes. A iniciativa é parte do trabalho contínuo da empresa que busca ampliar a qualidade no fornecimento energético através da modernização, manutenção e ampliação de sua área de concessão.

Campinas foi a cidade que recebeu a maior parte dos recursos, cerca de R$ 18,8 milhões, seguido por Americana, com R$ 5,8 milhões, e Sumaré, com R$ 5,4 milhões. Entre as principais ações executadas em Campinas, destacam-se 610 postes trocados, 21 obras para aumento da capacidade de subestações e linhas de transmissão, além da manutenção em 121,8 Km de rede, expansão de 33,5 Km e instalação de 26 religadores.

Outra parte do aporte, em torno de R$ 12,8 milhões, foi destinada ao fortalecimento da capacidade de carga das subestações e linhas de transmissão e distribuição locais. A infraestrutura ajuda a rede a suportar o crescimento da demanda de maneira estável e segura.  As cidades receberam R$ 6,7 milhões para a inclusão de novos clientes ao sistema, por meio da ampliação da rede elétrica e da instalação de novos medidores e ligação de novos consumidores residenciais, comerciais e industriais nas áreas urbana e rural à rede elétrica da concessionária.

A companhia ainda destinou R$ 12,7 milhões para ações de melhorias na rede elétrica e outros R$ 4,9 milhões para a manutenção do sistema. Entre as ações realizadas estão a realização de manutenção emergencial e a instalação de equipamentos como espaçadores e cabos multiplexados para reforçar as linhas, tornando a rede elétrica mais resistente ao toque de objetos, como galhos de árvores.

Cabe destacar que a distribuidora aplicou R$ 6 milhões na realização de projetos especiais, como investimentos na modernização do sistema de distribuição e aportes em redes inteligentes. Deste modo, foram trocados postes e instalados religadores, equipamento que restabelece de forma mais rápida e automaticamente o fornecimento de energia elétrica para os consumidores.

Para o presidente da empresa, Carlos Zamboni Neto, “o objetivo final dos investimentos é garantir um fornecimento seguro e confiável de energia para os clientes, auxiliando a região em sua trajetória de crescimento”. Ao todo, a concessionária aplicou R$ 616 milhões em melhorias, expansão e manutenção em sua área de concessão em 2018.