Desligamentos no Distrito Federal interrompem 281 MW do SIN

Ocorrências na subestação Brasília Sul e em quatro LTs cortaram 197 MW de carga da CEB e 84 MW da Enel Goiás na noite de ontem (24). Energia na capital federal e região demorou 1:26 horas para ser restabelecida

Uma série de ocorrências em pontos do sistema elétrico do Distrito Federal provocaram o corte de 281 MW do SIN na noite da última quarta-feira, 24 de abril, sendo 197 MW de carga da CEB e 84 MW da Enel Goiás. A informação consta no boletim diário de operação do sistema, realizado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), que identificou às 21:49 horas o desligamento automático de transformação e das barras da subestação Brasília Sul e das linhas de transmissão Brasília Sul/Taguatinga C1 e C2, Brasília Sul/Ceilândia Sul C1 e C2, Brasília Sul/Brasília Norte C1, C2 e C3 e Brasília Sul/Santa Maria.

Titular da subestação, Furnas informou que o motivo para o desarranjo foi um problema técnico no equipamento associado a um dos barramentos do setor 138 kV do empreendimento. Técnicos da empresa ainda apuram os detalhes sobre as causas da ocorrência, o que também deverá ser levantado pelo ONS.

Segundo o Operador, o apagão que atingiu as regiões de Ceilândia, Taguatinga, Samambaia, Vicente Pires, Núcleo Bandeirante e parte do Guará, ambas no Distrito Federal, durou 1:26 horas. Já o corte na energia da Enel em Goiás afetou as regiões de Novo Gama, Valparaíso, Cidade Ocidental e Luziânia, com a carga demorando 17 minutos para ser totalmente recomposta, através da transferência de alimentação pela subestação Samambaia.