Reservatórios do Nordeste fecham semana com 57% da capacidade

Região Norte teve redução de 0,4%, chegando a 73,2%, enquanto o submercado Sul trabalha com 86,7%, após acréscimo de 0,2% em relação ao dia anterior

Os reservatórios do Nordeste diminuíram em 0,1% seu volume útil em relação ao dia anterior, ficando com 57%, segundo consta na operação do SIN da última quinta-feira, 13 de junho, quando o Operador Nacional do Sistema Elétrico identificou no seu IPDO a energia armazenada com 29.551 MW mês e a ENA em 67% da média de longo termo armazenável acumulada no mês. A hidrelétrica de Sobradinho trabalha a 46,41% de sua capacidade.

Já no Norte do país o recuo foi de 0,4% com os níveis caindo para 95%. A energia armazenada aparece com 11.021 MW mês e a ENA foi para 95% da MLT. A usina hidrelétrica de Tucuruí opera a 98,85%. Já na região Sudeste/Centro-Oeste a capacidade de armazenamento subiu 0,1%, e os reservatórios atingiram 47,9%. A energia armazenada aponta 97.284 MW mês e a afluente registra 102% da MLT.  A hidrelétrica de Furnas trabalha com 51,32% e a usina de Nova Ponte, com 43,99% da capacidade.

Os reservatórios do Sul apresentaram crescimento de 0,2% no volume, que chegou a 86,7%, o maior entre os subsistemas do país. A energia afluente admite 140% da MLT e a armazenada aparece com 17.848 MW. As UHEs G.B Munhoz e Passo Fundo funcionam, respectivamente, com capacidades de 82,14% e 62,27%.

Outras informações sobre níveis de armazenamento, bem como a geração de gráficos comparativos, podem ser acessadas na Seção Reservatórios do Monitor, disponível para assinantes do CanalEnergia.