Preço spot de energia sobe 4% em todos os submercados

Elevação do PLD é explicada pela estimativa de afluências menos otimistas para as próximas semanas de julho

O Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) para a segunda semana de julho (06 de julho a 12 de julho de 2019) foi fixado em R$ 177,60/MWh para todos os submercados. O aumento do preço foi de 4%, informou a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

A elevação do PLD é explicada pela estimativa de afluências menos otimistas para as próximas semanas de julho de 2019. Espera-se que as afluências de julho fechem em torno de 82% da Média de Longo Termo (MLT) para o sistema, estando abaixo da média para todos os submercados. Na região Sudeste, a expectativa é de 86%; no Sul é de 87%; no Nordeste, 45% e, na região Norte, 82% da MLT.

A carga prevista para a próxima semana do Sistema Interligado Nacional (SIN) deve ficar em torno de 500 MW médios mais baixa em relação à previsão anterior, com redução, principalmente, na região Sul, de aproximadamente 300 MW médios. No Sudeste, a previsão da carga não sofreu alteração. Para as regiões Nordeste e o Norte, a previsão é de redução de carga da ordem de 100 MW médios.

Os níveis dos reservatórios do SIN ficaram praticamente conforme o esperado, alterando apenas entre os submercados. Os níveis estão mais baixos no Sudeste (-400 MW médios) e mais altos nos demais submercados, no Sul (+250 MW médios), no Nordeste (+100 MW médios) e no Norte (+50 MW médios), aproximadamente.

O fator de ajuste do Mecanismo de Realocação de Energia (MRE) estimado para o mês de julho de 2019 passou de 58,4% para 56,9%. O Encargo do Serviço do Sistema (ESS) previsto para julho de 2019 está em R$ 14 milhões, sendo em sua totalidade referente às restrições operativas.