Todas as SPEs da Eletrobras à venda tiveram interessados, diz presidente da estatal

Expectativa da empresa é concluir operação ainda este ano

A Eletrobras revelou que todos os seis lotes das Sociedades de Propósito Específico colocados à venda pela estatal receberam propostas de interessados. De acordo com o presidente da estatal, Wilson Ferreira Junior, até amanhã a conclusão da pré-qualificação dos candidatos à compra deve ser finalizada. Ferreira Junior acredita que a negociação se conclua ainda esse ano. “Imagino que estejamos negociando com os bidantes em meados de outubro, vamos ver se conseguimos fechar este ano”, afirmou em entrevista coletiva a jornalistas realizada nesta terça-feira ,13 de agosto.

Ainda segundo Ferreira Junior, não há uma expectativa de valores que a venda dessas SPEs vão trazer para a empresa. Para o executivo, caso não ocorram percalços, uma parte do dinheiro pode entrar em 2019 ou no começo de 2020.

A empresa agrupou 39 SPEs em seis lotes, que serão oferecidos ao mercado. Os projetos são de transmissão e energia eólica. O lote 1 é formado por 100% da Santa Vitória do Palmar Holding, pois inclui os 22% da participação pertencente à Brave Winds Geradora. O lote soma 18 SPES. O lote 2 é formado pelas Eólica Hermenegildo I, II e II e Eólica Chuí IX. Nesses projetos, a Eletrobras tem 99,99% de participação. O lote 3 tem a Chapada do Piauí I Holding com oito SPEs. O lote 4 vem com a Chapada do Piauí II Holding com sete SPEs. Já o lote 5 disponibiliza a Eólica Mangue Seco 2 Geradora e Comercializadora. Nesses três projetos, a Eletrobras detém 49% de participação. E no lote 6 está a Manaus Transmissora de Energia, na qual a empresa detém 49,5%.