Taesa compra transmissora Rialma por R$ 56,7 milhões

Negócio que envolve 100% do capital total de ativo ainda depende de autorizações regulatórias e outras anuências. Aquisição trará vantagens operacionais na manutenção de subestação e sistema de transmissão no RN

A Taesa celebrou o Contrato de Compra com a RC Administração e Participações S.A para aquisição de 100% das ações representativas do capital total e votante da Rialma Transmissora de Energia 1. Com a execução do negócio, no valor de R$ 56,7 milhões, a companhia passa a deter o ativo localizado no Rio Grande do Norte, com interligação a uma de suas subestações, a SE Lagoa Nova, da concessão Paraíso Açu Transmissora de Energia, o que permitirá vantagens operacionais na manutenção do novo projeto.

Segundo a nota divulgada ao mercado e aos acionistas, a aquisição vai de encontro ao plano de crescimento da empresa e sua consolidação no setor de transmissão brasileiro. Rialma I compreende a Linha de Transmissão Lagoa Nova 11 – Currais Novos 11, com tensão de 230 kV, circuito duplo e extensão de 28 km. O RAP é de R$ 12,6 milhões para o ciclo 2019-2020.

Outra informação passada é de que o valor da compra está sujeito a ajustes positivos ou negativos decorrentes da variação dos saldos de capital de giro e endividamento líquido entre a data base e a data de fechamento da operação, bem como outros ajustes após o fechamento, que por sua vez também estão sujeitos a algumas condições precedentes, como as autorizações regulatórias da Aneel e do Cade, as anuências dos credores da Rialma, o desembolso integral dos valores financiados no Banco do Nordeste do Brasil e a aprovação na assembleia geral da Companhia, em data a ser definida.