Ampèria e Vila Energia se juntam para investir em geração distribuída

Empresas esperam construir 100 MW em projetos e investir R$ 300 milhões nos próximos 3 anos

A comercializadora de energia Ampèria e geradora Via Energia Renovável anunciaram uma união para investir em geração solar distribuída, com expectativa de investir R$ 300 milhões nos próximos 3 anos e viabilizar 100 MW pico. O plano é construir “condomínios solares ” nas regiões Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste do Brasil. O primeiro projeto tem início de operação previsto para janeiro de 2020.

De acordo com Rogerio Oliveira, diretor da Ampèria, a parceria busca suprir uma demanda identificada no mercado de GD. “Percebemos que os clientes corporativos estão mais confiantes em uma solução de GD que envolva uma empresa com expertise em comercialização, como é o caso da Ampèria. Esse é o principal motivo que levou a efetivar essa parceria com a Vila Energia, uma empresa focada no desenvolvimento de projetos e com participação em vários empreendimentos fotovoltaicos em operação no Nordeste do Brasil”, destacou o executivo.

A Vila Energia Renovável tem trabalho para ampliar o escopo de serviços e soluções para o mercado de geração distribuída, disse Fernando Menezes, diretor da companhia. “Com esta sinergia seremos capazes de concentrar nossos esforços no desenvolvimento de novos projetos e na operação dos condomínios solares (…).”

Com a parceria, as duas empresas consolidam uma estratégia comercial para aproveitar as oportunidades de um mercado que está em crescimento, com potencial de movimentar US$ 17 bilhões de investimento até 2040, segundo projeções da Bloomberg New Energy.